OPS obriga mais um deputado a devolver dinheiro aos cofres públicos

Um dos objetivos do Instituto OPS é exigir a devolução aos cofres públicos de valores gastos de forma indevida, e mais uma vez obteve êxito. Desta vez foram mais R$ 25.383,78 que retornaram ao erário após identificarmos o uso ilegal do dinheiro do contribuinte. Leia o parecer técnico da Câmara O deputado federal Charles FernandesContinuar lendo “OPS obriga mais um deputado a devolver dinheiro aos cofres públicos”

Câmara paga por despesas a deputado antes de sua posse

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) foi ressarcido por despesas com abastecimentos realizadas nos anos de 2017 e 2018, antes mesmo de tomar posse na Câmara dos deputados. Já o paranaense Giacobo (PL-PP) é um dos que bancaram despesas com combustíveis para empresas com recursos da verba indenizatória. A favorecida é a Ecocataratas, empresa concessionáriaContinuar lendo “Câmara paga por despesas a deputado antes de sua posse”

Senadores gastaram quase R$ 12 milhões com serviços terceirizados em dois anos

Desde o início de 2019 até fevereiro deste ano, 78 senadores investiram R$ 11,9 milhões do dinheiro do contribuinte para contratar serviços externos de consultoria e assessoria, mesmo contando com um pequeno exército de funcionários de gabinete pagos pelo Senado. O dinheiro utilizado é o da verba indenizatória, recurso público disponibilizado mensalmente aos senadores paraContinuar lendo “Senadores gastaram quase R$ 12 milhões com serviços terceirizados em dois anos”

Senador Telmário Mota aluga veículos de beneficiárias de programas sociais do governo

Senador Telmário Mota (Pros-RR) aluga um veículo Mitsubishi Triton, ano 2019, avaliado em R$ 140 mil, de Daura de Oliveira, beneficiária do BPC (Benefício de Prestação Continuada) destinado a pessoa idosa, com 65 anos ou mais, e a pessoa com deficiência de qualquer idade, que comprove não possuir meios de se sustentar ou de serContinuar lendo “Senador Telmário Mota aluga veículos de beneficiárias de programas sociais do governo”

Ex-deputada denunciada pela OPS é condenada por peculato

A Justiça Federal condenou no dia 11 passado, Roseane Cavalcante Estrela, conhecida como Rosinha da Adefal, e Emerson Novais Duarte por cometerem crime de peculato. A ex-deputada praticou o crime ao desviar mais de R$ 518 mil por supostos aluguéis de carros pagos com recursos públicos entre fevereiro de 2011 e novembro de 2013. AContinuar lendo “Ex-deputada denunciada pela OPS é condenada por peculato”

Instituto OPS lança a 3ª fase da Operação Tanque Furado

Dando continuidade ao trabalho que envolve cidadãos voluntários de todas as regiões do país e até do exterior, o Instituto OPS lança a terceira etapa da Operação Tanque Furado. O objetivo, além de envolver a sociedade na fiscalização de gastos públicos, é o de encontrar irregularidades praticadas por deputados federais no uso da verba indenizatóriaContinuar lendo “Instituto OPS lança a 3ª fase da Operação Tanque Furado”

Para entender como deputados abastecem seus veículos com dinheiro público, o Instituto OPS lança a Operação Tanque Furado 2

Na legislatura passada deputados federais gastaram, juntos, quase R$ 73 milhões de reais para abastecer seus carros e de seus secretários. Pago com dinheiro público, a despesa está prevista nas regras internas da Câmara que efetua os pagamentos mediante simples apresentação do cupom ou nota fiscal das despesas. Alguns deputados da atual legislatura, mesmo duranteContinuar lendo “Para entender como deputados abastecem seus veículos com dinheiro público, o Instituto OPS lança a Operação Tanque Furado 2”

Deputados gastam quase R$ 22 milhões com combustíveis na atual legislatura

Desde o início da atual legislatura até a primeira quinzena de setembro de 2020, deputados federais gastaram R$ 21,9 milhões com combustíveis e lubrificantes, valor suficiente para adquirir 5 milhões de litros de gasolina, se considerado o preço médio praticado hoje em Brasília. Pago pelo contribuinte, o gasto é legal e está previsto nas regrasContinuar lendo “Deputados gastam quase R$ 22 milhões com combustíveis na atual legislatura”

Robô da OPS atua e deputados devolvem dinheiro

O Instituto OPS, entidade sem fins lucrativos responsável pela Operação Política Supervisionada (OPS), acaba de receber a informação da Câmara dos Deputados que mais um deputado devolveu dinheiro aos cofres da casa. O robô da OPS que opera diariamente coletando dados dos portais da Câmara e Senado detectou o pagamento a uma empresa que oficialmenteContinuar lendo “Robô da OPS atua e deputados devolvem dinheiro”

Instituto OPS pede ao TCU e MPF avaliação sobre contratação de serviços de consultoria na Câmara e Senado

Após concluir uma varredura completa nas contratações de serviços de consultoria jurídica pagas com recursos da verba indenizatória de deputados e senadores, o Instituto OPS constatou que 28 parlamentares contrataram para a assessoria, advogados que são patronos dos próprios em causas diversas perante à Justiça. Parlamentares do Congresso Nacional arregimentam advogados de forma precária, semContinuar lendo “Instituto OPS pede ao TCU e MPF avaliação sobre contratação de serviços de consultoria na Câmara e Senado”