Após denúncia da OPS, senador Telmario Mota deixa de locar veículo superfaturado

Após denúncia da OPS, senador Telmario Mota deixa de locar veículo superfaturado

Após denúncia feita pelo Instituto OPS em fevereiro deste ano no MPF e no TCU, o senador Telmario Mota (Pros-RR) deixou de usar a verba indenizatória para pagar locações superfaturadas de veículos pertencentes a uma beneficiária de serviços sociais do governo federal.

Junho passado foi o último pagamento de R$ 18 mil efetuado pelo senador referente à locação de uma pick-up Mitshubishi Triton ano 2019 de propriedade de Daura de Oliveira Paiva, uma beneficiária do BPC (Benefício de Prestação Continuada).

Nos 27 meses que manteve locado o veículo, cujo valor de mercado é de R$ 146 mil, Telmario Mota pagou com recursos públicos o valor total de R$ 473,7 mil, ou seja, o suficiente para se comprar quase 3 desta pick-up.

As denúncias solicitavam ao MPF e ao TCU abrissem investigações para apurar o caso desta e de outra locação, também nitidamente com superfaturamento. Entre os meses de novembro de 2018 e março de 2019, o senador alugou de uma beneficiária do Bolsa Família uma van, ao custo mensal de R$ 20 mil.

O veículo utilizado para transporte de passageiros já tinha quase cinco anos de uso e estava avaliado em R$ 70 mil à época. Os cinco meses de locação renderam à proprietária da van a quantia de R$ 90 mil.

Tanto no MPF quanto no TCU, os processos correm em sigilo e nem mesmo o Instituto OPS tem acesso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s