Deputado usa verba pública para assistir campeonatos de futebol

A verba indenizatória foi criada para custear despesas exclusivas de mandato, mas o deputado Alexandre Leite (DEM-SP) resolveu expandir o rol dessas despesas reembolsáveis e contratou um serviço extra da empresa Claro, o pacote com canais exclusivos de futebol. Tem as séries A e B, e ainda os campeonatos do Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e o de Santa Catarina.

Se preferir, assista.

Os pagamentos para a empresa Claro vem acontecendo ao menos desde julho de 2019 e já somam mais de R$ 13 mil. Além dos canais exclusivos de futebol, as faturam mostram ainda que estão disponíveis internet de 600 mega, telefone fixo e TV a cabo.

Última fatura disponível no site da Câmara. O valor do serviço a la carte é de R$ 69,39

O serviço está instalado em um prédio na Av. Dr. Arthur Cordeiro Nº 1015, no bairro Veleiros, na capital paulista, imóvel também pago pela verba indenizatória. São mais de R$ 15 mil por mês para manter o escritório político do parlamentar, entre as despesas de aluguel, energia, água, IPTU e, claro, o pacote recheado de entretenimento da Claro.

Apesar do alto valor pago pelo contribuinte para locar o imóvel e os canais exclusivos de jogos de futebol, o cidadão que passar pelo endereço jamais saberá que se trata de um lugar onde as portas devem estar abertas a todos.

Não há qualquer identificação mostrando que funciona naquele local um lugar onde o cidadão possa ter suas demandas ouvidas e encaminhadas a um de seus representantes na Câmara dos Deputados. Nem mesmo vizinhos sabem que ali é um imóvel com finalidade pública.

A assessoria parlamentar informou que não colocou placas de identificação para não descumprir a “lei Cidade Limpa”. Entretanto, a lei não proíbe a fixação de placas de identificação das atividades exercidas no imóvel e sim o excesso de poluição visual.

A mesma lei prevê, inclusive, a colocação de placas identificadoras em cada uma das faces do imóvel de esquina, o que é o caso do escritório do deputado Alexandre Leite.

Perguntado o motivo de utilizar dinheiro público para a contratação de canais exclusivos de futebol, a assessoria preferiu não responder.

O caso foi enviado à Câmara com a exigência que todo o valor pago pelos canais de futebol seja devolvido aos cofres públicos pelo parlamentar e que o pacote futebolístico seja imediatamente rescindido.

As fotos a seguir foram feitas por Marco Campos, colaborador do Instituto OPS em São Paulo.

Uma resposta para “Deputado usa verba pública para assistir campeonatos de futebol”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s